Google+ Followers

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

A noite escura da alma







Na noite escura, não reconheci o caminho.

Fechei-me para o fluxo do amor e caminhei na berma do lago, acompanhada da sombra nas águas iluminadas pelas estrelas.

Reconheci a vulnerabilidade do meu nome e procurei a ferida na minha essência, porque estava livre nesta prisão.

Talvez se criar uma ponte que me leve à melodia longínqua da próxima primavera, eu consiga encontrar-me em ti.


E acenda uma luz na noite da alma.


16 comentários:

  1. Minha querida

    Por vezes percorremos tantos caminhos à procura dessa luz escondida por dentro do tempo. Adorei como sempre.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  2. Lindo!

    Ver o rio passar, da margem é tão pouco!


    Um beijo

    ResponderEliminar
  3. Olá,
    procuramos a luz por caminhos que nunca encontramos, quando já perdemos a esperança de encontrar a tão desejada luz, acontece que sem esperar ela surge ao virar numa esquina.

    ag

    ResponderEliminar
  4. Logo com esse primeiro verso fiquei pensando: "será que a noite escura não é o caminho?"

    ResponderEliminar
  5. Estou aqui para deixar um carinho
    com bastante saudades de você.
    deixei um mimo na postagem
    se for do seu gosto é oferecido com muito carinho.
    Quando fico ausente chega doer a saudade,
    porém mesmo no silêncio jamais esqueço de você.
    Eu acredito na verdadeira amizade ,
    que o tempo não corrói
    permanece viva e cravada no coração e na alma.
    O fato de não estar conseguindo chegar a todos blogs como sempre
    fiz esta me custando acreditar ,
    que na dor perdemos
    pessoas , que fantasiava meu blog com frases
    de carinho sem medo eu digo..estão hoje sumidas
    como - se contagiasse seus
    dedos ou seu corpo deixar um alo nos comentários .
    Estou feliz contigo , que independente
    da minha presença dedicou a mim de todo coração
    a mais doce amizade e presença constante.
    Eu acredito em Deus e em sua divina justiça
    se hoje eu choro amanhã chora quem
    sem a menor sabedoria me abandona quando eu
    mais preciso.
    Seu carinho e amizade para mim é tudo ,
    e por isso agradeço e agradecerei sempre
    por seu carinho comigo.
    Um abençoado final de semana muita paz
    beijos até sempre..Evanir.

    ResponderEliminar
  6. A insatisfação permanente e a busca de novos caminhos.
    Desejo que esteja bem.
    Beijinhos e boa semana.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  7. pontes, por vezes necessárias...

    boa semana.

    um beijo

    :)

    ResponderEliminar
  8. A procura do sentido das coisas, sempre.
    Muito bem, Rita!

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  9. Um viva as pontes, que muitas vezes esquecemos de criar...

    bjos

    ResponderEliminar
  10. Nem sempre a nossa alma está quieta e serena o suficiente para que encontremos um caminho; mesmo que o sol brilhe e a luz abunde tudo de repente escurece e a nossa alma lá fica, negra como bréu se negando a seguir em frente para encontrar o rumo certo. Belo como sempre, Rita. Um beijinho e obrigada pelo momento lindo de poesia.
    Emília

    ResponderEliminar
  11. Querida amiga

    Embora tristes,
    são belas as palavras...

    Penso que a luz
    que muito desejamos
    em nossas vidas,
    apenas a nós,
    é dado o poder de acender.

    Amar é inspirar
    o mundo.

    ResponderEliminar
  12. Oi Rita


    Que o seu final de semana seja repleto de alegrias e grandes realizações...

    Beijos com carinho
    Ani

    ResponderEliminar
  13. Oi Rita querida


    Que o seu final de semana seja repleto de alegrias e grandes realizações...

    Beijos com carinho
    Ani

    ResponderEliminar
  14. Belas palavras, de esperança.
    Gostei imenso.
    Depois de quase 1 mês de ausência da blogosfera, volto para ficar... assim o espero...
    Rita, querida amiga, tem um bom fim de semana.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  15. Bella esperanza, menos mal que existe.
    Un beso

    ResponderEliminar